Vídeos

Visitas

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Edital - Convocação Assembléia Geral Ordinária da Associação Pernabucana de Apicultores e Meliponicultores - Eleição da Diretoria e Conselho Fiscal

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA  PARA ELEIÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA, CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO E CONSELHO FISCAL DA ASSOCIAÇÃO PERNAMBUCANA DE APICULTORES E MELIPONICULTORES - APIME


                        A Associação Pernambucana de Apicultores e Meliponicultores - APIME, com sede nesta cidade, com escritório na rua da Aurora, nº 295, Sala 917, bairro Boa Vista – Recife - PE, através de sua Diretoria Executiva, devidamente representada por seu Presidente Sr. Alexandre Jorge Pimentel Moura, CONVOCA, através do presente edital, todos os associados fundadores e sócios efetivos da APIME, para participarem da Assembleia Geral Ordinária, que será realizada no dia 30 de setembro de 2017, às 11 horas e 30 min, no  Santuário das Comunidades – BR 104, Km 58 - Caruaru - PE, com a seguinte ordem do dia:

1-      Apreciação e aprovação do relatório de atividades da gestão 2015/2017 e períodos anteriores;

2-      Apreciação e aprovação das contas dos exercícios 2015/2017 e de períodos anteriores mediante parecer do Conselho Fiscal.

3-      Eleição da Diretoria Executiva e do Conselho Fiscal da APIME, em cumprimento ao disposto no Capítulo V do Estatuto APIME.

4-      As inscrições das chapas candidatas, Chapas da Diretoria e Chapas do Conselho Fiscal, deverão ocorrer através da entrega da referida inscrição à Secretaria da APIME - Associação Pernambucana de Apicultores e Meliponicultores – Rua da Aurora, 295, Sala 917, Boa Vista – Recife – PE. A eleição se realizará dentre as chapas devidamente inscritas e homologadas pela comissão eleitoral. (art. 43 a 49 do Estatuto da APIME.)

5-      Somente poderão integrar as chapas de Diretoria e de Conselho Fiscal os associados em dia com suas obrigações estatutárias junto à APIME.

6-      A Assembleia Geral instalar-se-á em primeira convocação às 11 horas e 30 minutos, com a presença da maioria dos associados e, em segunda convocação, com qualquer número, meia hora depois, não exigindo a lei quórum especial (Art. 26 do Estatuto da APIME).


 Recife-PE, 19 de setembro de 2017.


___________________________
Alexandre Moura

Presidente da APIME

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

II ENCONTRO PERNAMBUCANO DE MELIPONICULTORES

30 DE SETEMBRO DE 2017
CARUARU - PE

ESPERAMOS POR VOCÊ NO ENCONTRO!!!


PARA REALIZAR A SUA INSCRIÇÃO ENVIE UM E-MAIL PARA: 

apime.pe@hotmail.com


PROGRAMAÇÃO DO II ENCONTRO PERNAMBUCANO DE MELIPONICULTORES
30 de Setembro de 2017
Santuário das Comunidades – Caruaru – PE

“Ouvindo e Falando Sobre Abelhas”

8        h as 8 h 50 min – Recepção, inscrição e Café da Manhã

9 h as 9 h 50 min - Mesa de Abertura do Evento  - Representações de Associações de Meliponicultores e de Entidades ligadas à meliponicultura.

10 h a 10 h 45 min - Palestra “A Meliponicultura: importância para a agricultura, a ciência e a vida”. Dr. Airton Carvalho – UFRPE – Serra Talhada.

10 h 46 a 11 h 30 min – Palestra II  “Fungos em Colmeias de Abelhas Nativas”. Mestre Renan do Nascimento Barbosa - UFPE

11 h 31 min as 12 h 00 min – Apresentação: Resultado dos Trabalhos e da Atuação da APIME
a)      Abelhas Nativas e o trabalho de Educação Ambiental Palestrantes: Maria Auri Ferreira, Flávia Lemos e Walkíria Melo - APIME.
b)      Política Ambiental – Atuação da APIME no Conselho Estadual de Meio Ambiente – Consema – Resultados Alexandre Moura e Luiz Aleixo - APIME

12 h as 13 h 30 min  – Almoço

13 h 31 min as 15 h 00 min  Vivência de Experiências (atividades simultâneas ao ar livre):

a)      Técnicas de Coleta de Mel – demonstração prática – Eng. Agrônomo Adgerlan Codácio;
b)      Manejo de Divisão de Colônia com Fumigação (fumaça) – Biólogo Luiz Aleixo Lula do Mel;
c)       Exposição “Modelos de Colmeias e tipos de alimentadores para abelhas nativas”- Eng. Agrônomo Thiago Melo;
d)      Exposição de Apetrechos utilizados na Criação de Abelhas nativas,
e)      Troca de Sementes e distribuição de mudas – Téc. Agrícola formação SERTA - Benoni Codácio - APIME. Obs. Cada participante pode levar sementes e mudas para esse momento.

15 h 00 min as 16 h 00 min - Mesa Redonda – Falando sobre “Experiências e conhecimentos tradicionais sobre criação de abelhas nativas”
  • Seu Chico Poeta de Brejo da Madre de Deus
  • Seu Nô – Criador de Abelhas Nativas de Brejo da Madre de Deus
  • Seu Abdias – Criador de Abelhas Nativas de Riacho das Almas
  • Seu Nildo – Criador de Abelhas Nativas de Brejo da Madre de Deus

16 h 01 min – 16 h 10  min –  Escolha da cidade para realização do III Encontro Pernambucano de Meliponicultores;

16 h  11 min -  16 h 40 min – - Apresentação CulturalLuiz Aleixo Lula do Mel e Benoni Codácio.

16 h 41 min – Lanche
17 h 00 min - Retorno para nossos lares.







Prezado (a) Sr. (a),

a inscrição para o II ENCONTRO APIME DE MELIPONICULTURA pode ser realizada com o envio das informações abaixo para esse nosso e-mail institucional (apime.pe@hotmail.com) e com o pagamento da taxa de R$ 50,00 (cinquenta reais) que poderá ser efetuado através da Conta Corrente discriminada abaixo:

DADOS PARA INSCRIÇÃO (a ser enviado por e-mail):

Nome : _______________________________________________________________

Identidade nº ____________________________

Município:

Telefone/Celular:  (       )  ___________________

e-mail: __________________________________

Data da efetuação do depósito em conta corrente: _____/______/ 2017

CONTA BANCÁRIA PARA DEPÓSITO DA INCRIÇÃO
Banco do Brasil S/A
Agência: 2805-3
Conta Corrente: 399.29-9
Em nome de Alexandre  Moura 

Observações:

1 - O valor de R$ 50,00 (cinquenta reais) por participante corresponde a inscrição do II Encontro Pernambucano de Meliponicultura/2017 para participação de todas as atividades e inclui um café da manhã, um almoço e um lanche no final da tarde. Ainda será emitido certificado impresso no local.

2 - O roteiro para chegar ao local do evento será enviado em breve.

3 - Os Encontros APIME  de Meliponicultura são "autogestionavéis", onde cada participante contribui na realização do evento a semelhança do Fórum Mundial Social. Não recebemos patrocínio para realização das atividades.

Obrigado por participar!!!!
Viva a Meliponicultura!!!

Atenciosamente,
Alexandre Moura
81.988169628


ENDEREÇO DO SANTUÁRIO DAS COMUNIDADES

http://santuariodascomunidades.blogspot.com.br/p/contatos.html



MAPA DE LOCALIZAÇÃO DO "SANTUÁRIO DAS COMUNIDADES" - CARUARU - PE






ROTEIRO DE VIAGEM ATÉ O LOCAL DO II ENCONTRO PERNAMBUCANO DE MELIPONICULTORES NO SANTUÁRIO DAS COMUNIDADES EM CARUARU
1. Saída RECIFE – PE – pegar a BR – 232 -  Sentido Caruaru
2. AO CHEGAR PRÓXIMO A CIDADE DE CARUARU MANTENHA-SE NA BR - 232
3. PASSE OS PRIMEIROS ACESSOS DA BR - 232 PARA CIDADE (A ESQUERDA)
4.  CONTINUE NA BR-232 - PASSE POR BAIXO DO VIADUTO (VIADUTO QUE CRUZA POR SOBRE A BR-232)
5. SIGA AINDA NA BR – 232  SENTIDO A CIDADE DE SÃO CAETANO;
6. ADIANTE PEGUE A FAIXA DA DIREITA;
7. PEGUE O ACESSO À BR -104 (SENTIDO TORITAMA – SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE – CAMPINA GRANDE)
8. SIGA NA BR 104 –VÁ EM FRENTE (CUIDADO COM AS LOMBADAS ELETRÔNICAS –  50 Km/h)
9. AINDA NA BR – 104 - PASSE POR SOBRE VIADUTOS (CIDADE DE CARUARU ESTARÁ AO LADO ESQUERDO)
10. SIGA SEMPRE EM FRENTE NA BR 104;
11. BR 104 – VISUALIZARÁ AO LADO DIREITO – CASA DE SHOW PALADIUM, SIGA;
12. BR 104 - VISUALIZARÁ AO LADO DIREITO – CHURRASCARIA “ASA BRANCA”, SIGA;
13. BR 104 – VISUALIZARÁ AO LADO DIREITO – POSTO DE GASOLINA – PRÉDIO AMARELO, SIGA; OBS. A PARTIR DAQUI FIQUE DO LADO DIREITO DA PISTA.
14. BR 104 - BR 104 - VISUALIZARA AO LADO ESQUERDO – RETORNO;
15. ESTÁ PRÓXIMO...;
16. ATENÇÃO - VÁ PARA O LADO DIREITO DA PISTA IMEDIATAMENTE ;
17. AVISTARÁ – PLACA “CENTRO DE FORMAÇÃO – FUNDAÇÃO SANTUÁRIO DAS COMUNIDADES”
18. VÁ PARA O ACOSTAMENTO E ENTRE À DIREITA NO ACESSO A “ESTRADA DE BARRO”;
19. SIGA 500 METROS – DO LADO DIREITO;
20. CHEGASTE NO SANTUÁRIO DAS COMUNIDADES.

SEJA BEM VINDO AO II ENCONTRO PERNAMBUCANO DE MELIPONICULTORES. 



quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Cora Coralina - 20 de agosto data de seu aniversário





A GLEBA ME TRANSFIGURA
 Cora Coralina

Sinto que sou abelha no seu artesanato.
Meus versos tem cheiro de mato, dos bois e dos currais.
Eu vivo no terreiro dos sítios e das fazendas primitivas.
(...)
Minha identificação profunda e amorosa
com a terra e com os que nela trabalham.
A gleba me transfigura. Dentro da gleba,
ouvindo o mugido da vacada, o mééé dos bezerros.
O roncar e focinhar dos porcos o cantar dos galos,
o cacarejar das poedeiras, o latir do cães,
eu me identifico.
Sou arvore, sou tronco, sou raiz, sou folha,
sou graveto sou mato, sou paiol
e sou a velha tulha de barro.

pela minha voz cantam todos os pássaros,
piam as cobras
e coaxam as rãs, mugem todas as boiadas que 
vão pelas estradas.
Sou espiga e o grão que retornam a terra.
Minha pena (esferográfica) é a enxada que vai cavando,
é o arado milenário que sulca.
Meus versos tem relances de enxada, gume de foice
e o peso do machado.
Cheiro de currais e gosto de terra.
(...)
Amo aterra de um velho amor consagrado.
Através de gerações de avós rústicos, encartados
nas minas e na terra latifundiária, sesmeiros.
A gleba está dentro de mim. Eu sou a terra.
(...)
Em mim a planta renasce e flosrece, sementeia e sobrevive.
Sou a espiga e o grão fecundo que retorna à terra.
Minha pena é enxada do plantador, é o arado que vai sulcando.
Para a colheita das gerações.
Eu sou o velho paiol e a velha tulha roceira.
Eu sou a terra milenária, eu venho de milênios
Eu sou a mulher mais antiga do mundo, plantada 
e fecundada no ventre escuro da terra.

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Remoção de Enxame no Parque Dona Lindu - Recife - PE

A APIME, no dia 23 de julho de 2017, após atividade da Conversa Ambiental no Jardim Botânico, realizou a remoção de um enxame de abelhas Apis mellifera que, em razão dos fortes ventos se desprendeu de uma árvore no Parque Dona Lindu, na Praia de Boa Viagem - Recife - PE. A solicitação foi feita pela Brigada Ambiental da Prefeitura do Recife. 

O trabalho foi tranquilo e realizado pela equipe da Apime Thiago Melo, Walkíria Melo e Alexandre Moura. E os registros fotográficos de Jandy dos Santos.

Anteriormente, a APIME realizou também a remoção de um enxame no Parque Santana em Casa Forte - Recife - PE.
É a APIME mais uma vez prestando seu serviço à sociedade!








terça-feira, 1 de agosto de 2017

Apime promoveu palestra no Jardim Botânico - Conversa Ambiental sobre Alimentação para as Abelhas Nativas


A Apime no dia 23 de julho, ministrou a palestra “ABELHAS NATIVAS : ALIMENTOS E FORMAS DE ALIMENTAÇÃO" no Jardim Botânico do Recife dentro da programação da "Conversa Ambiental". 

“ABELHAS NATIVAS : ALIMENTOS E FORMAS DE ALIMENTAÇÃO.”
Participe da prática de alimentar as abelhas sem ferrão.
Venha alimentar as abelhas nativas no Jardim Botânico do Recife


Contamos com a participação de Thiago Melo, Adgerlan Codácio e Walkíria Melo como palestrantes. E mais da Apime,  Kleber Nascimento, Flávia Lemos, Alexandre Moura.

Contamos com a presença do Pesquisador Renan Barbosa e seu aluno Ewerton .



Boas vindas aos participantes por Afonso, servidor do
 Jardim Botânico do Recife

Thiago Melo proferindo sua "Conversa Ambiental"
sobre alimentos e alimentação das abelhas nativas.



Desafio é palestrar para atender ao diversificado público



Apresentação prática de como preparar alguns
alimentos artificiais para as abelhas nativas.

 Walkíria Melo (Apime) explica com muita "doçura" para as crianças
 como se prepara os alimentos para as abelhas.


Crianças rapidamente envolvidas na atividade prática




Expectativa para conhecer pela primeira vez o interior de uma colmeia.


Alimentadores a postos para serem colocados
no interior da colmeia



Crianças acompanham pesquisadores Renan Barbosa e Ewerton 
realizando coleta de material para pesquisa

Interação!  Pesquisa e Educação Ambienta

Estudante Ewerton realizando coleta de material para sua pesquisa.

Coleta de material de pesquisa.

Matheus (Apime) filho de Adgerlan e Flávia
sempre encantado com as abelhas.
Fotos: Jandy dos Santos

Umburana - "Pau de Abelha" - Proteger a umburana é conservar as abelhas nativas

Umburana - "Pau de Abelha" - Proteger a umburana é conservar as abelhas nativas
Uma jovem planta de umburana de cambão